quarta-feira, 18 de março de 2009

Internet, espaço de liberdade ...


Celebrou-se no passado dia 12 de Março o dia para Liberdade na Internet. Por todo o mundo a tentação para controlar o ciber-espaço é grande. Nestes primeiros anos a liberdade dos cibernautas tem beneficiado de quadros jurídicos desadequados mas, as autoridades judiciais e políticas recorrem cada vez com maior frequência às leis anti-terroristas para vigiar e controlar as actividades de cidadãos, jornalistas, dissidentes e opositores...

Os estados autoritários têm vindo a aumentar a censura bloqueando o acesso a determinados sites, criando uma ciber-polícia, julgando e condenando os cibernautas.

Mas, não são só os estados. Olhando para o "nosso umbigo" vejamos o efeito que a proliferação de blogues tem tido no poder autárquico no Seixal. Veja-se, como os blogues, pró e contra o poder instalado se têm substituído à comunicação institucional (leia-se, Boletim Municipal). Veja-se como, os blogues e a facilidade de acesso à informação, criaram uma nova apetência por informação num concelho onde a imprensa local estava completamente adormecida (em coma? morta?).
Atente-se, na preocupação de desacreditar autores rotulados como "mentirosos" ou "desejosos de protagonismo".
Imagine-se, que num concelho de "partido único" (no sentido em que o poder é ocupado há mais de três décadas pelo PCP), as oposições encontram nos blogues [Revolta das Laranjas, Rumo a Bombordo] a sua forma de comunicar com os munícipes rompendo o cordão que tinha sido erguido em seu redor. I
Sublinhe-se, a preocupação totalitária do poder quando descobre que cidadãos independentes de partidos, têm opinião, opinam e são lidos.
Constate-se, que tendo consciência de que apenas um pequeno número de munícipes usufrui desta nova ferramenta de comunicação, mesmo assim há uma preocupação obsessiva por parte do poder (e daqueles que o defendem com "unhas e teclado") em seguir a par e passo os posts, os comentários e, aparentemente até, imagine-se, os próprios autores ...
_______
Outros blogues sobre o concelho encontram-se elencados nas "Paragens Irresistíveis". Um apontamento, apenas, para um novo e interessante blogue, o "Para melhor Fernão Ferro".

2 comentários:

Anónimo disse...

Caro Hekate
Esses blogues não estão assim tão inacessíveis e por serem publicados num jornal é que também têm causado tanta confusão.
Se até agora eram apenas lidos por pessoas com capacidade de ter computador, acesso á net e capacidade de lidar com as tecnologias, agora estão mais visiveis. e isso incomoda.
e se um blogue incomoda muita gente, dois incomodam muito mais.

Pensar o Seixal no Século XXI disse...

É importante que a blogosfera reflicta sobre si própria. Parece-me um acto de maturidade e maioridade.

Excelente pensamento sobre a blogosfera local. A importância da opinião livre e da participação cívica.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes