quarta-feira, 21 de maio de 2008

As Três Gargantas culpadas …

Os sismos fazem parte integrante da história da Terra desde tempos imemoriais. Até há pouco eram fenómenos inteiramente naturais mas, as alterações provocadas pelo “progresso” humano poderão estar a influir no delicado equilíbrio das placas tectónicas que estão na sua origem .

E se o recente terramoto na China, for uma consequência da gigantesca barragem das Três Gargantas, que está a ser construída no rio Yangtze?


Quando estiver terminada em 2009 a barragem será o maior complexo hidroeléctrico do mundo. Os críticos apontam o facto de esta barragem estar localizada sobre uma zona sísmica. De acordo com um artigo da Scientific American, publicado a 25 de Março, esta barragem está a ser construída sobre duas grandes falhas: Jiuwanxi e Zigui–Badong.

Alguns especialistas receavam que o peso excessivo das águas provocasse alterações nas falhas o que intensificaria a sua actividade e poderia provocar sismos. De resto, outros projectos hidroeléctricos na China podem já ter causado pelo menos 19 sismos nos últimos 50 anos. Os relatórios da Academia Chinesa de Engenharia, da autoria de Li Wangping, registavam 822 tremores de terra entre Setembro 2006 e Abril 2007, ou seja, logo que os reservatórios da barragem se começaram a encher…

Esperava-se que esta barragem atingisse a sua capacidade máxima em 2009 devendo, então, atingir cerca de 180 metros. O aumento crescente da pressão da água e o seu movimento poderá fazer agravar os riscos sísmicos. Agora, depois da tragédia que se abateu sobre Sichuan e dos receios sobre a estabilidade de partes da obra seria imperdoável não averiguar as suas reais implicações.

…pelo terramoto na China?

1 comentário:

David Oliveira disse...

É preciso denunciar!
Escândalo. Inacreditável!
A Direcção Geral do Orçamento publicou o Boletim de Execução Orçamental, de Janeiro a Abril, ás 11 horas e mandou retirá-lo. Já não está online. VERGONHA! ESCÂNDALO!
Sabem porquê? porque vai haver o debate na Assembleia, o tema escolhido é a economia e os números conforme ainda hoje explicarei são um DESASTRE!
ESCÂNDALO!