segunda-feira, 27 de abril de 2009

As duas faces da gripe porcina

Clique na imagem para aceder a mapa interactivo
Quase todos os que morreram no México devido à nova estirpe do virus da gripe têm entre os 20 e os 40 anos ( contam-se, até à data, 103 mortos). Nos EUA, as vítimas estavam na faixa etária entre os 9 e os 50 anos. Em todos os casos recuperaram embora, pelo menos dois pacientes precisassem de ser hospitalizadas.

A grande preocupação que este surto de gripe gerou deve-se em parte ao facto de a gripe ter sido fatal para tantos jovens-adultos (o que é a marca das piores epidemias). Geralmente, as mortes devidas à gripe ocorrem sobretudo, entre os mais jovens e os mais idosos.
Uma das questões que está a intrigar os cientistas é o facto do virus se comportar de modo diferentes no México e, nos EUA.
As autoridades sanitárias do México parecem não ter certezas sobre o ponto da situação: está a diminuir ou, continua a propagar-se e a infectar novas vítimas? Qual a real letalidade do vírus?

As gripes normais matam em média 1% dos infectados. No México, 70 mortes em aproximadamente 1000 casos representa uma taxa de mortalidade de 7%. Comparativamente à gripe espanhola (1918-19), que terá tido uma taxa de mortalidade de 2,5% (40 milhões de mortos).

Enquanto não se consegue responder, à questão da diferença de comportamento do vírus dos dois lados da fronteira, vai-se especulando:

-a melhor alimentação daria aos americanos mais defesas imunológicas e fá-los-ia menos susceptíveis à doença;

-a qualidade do ar no México é terrível, também isso, poderá contribuir para uma maior mortalidade;

-a diferença no acesso e qualidade nos cuidados de saúde poderia ser uma explicação...

Como se vê nesta fase há mais interrogações do que respostas.
____
Por cá, teremos de nos preparar para receber esta indesejável visita... que entretanto já chegou a Espanha.
...entretanto, ao nível da UE...

2 comentários:

Rui Miguel Soares disse...

70 morte em 1000 casos !?!
7% ?!?!

A cidade do Mexico tem 10.000.000, se essas 70 mortes tiverem ocorrido na cidade, significa que 0.0007% da populações foi afectada pela doença.

A gripe suina pode ser alarmante, por isso não vale a pena mexer nas estatisticas para ainda alarmar mais.

Anónimo disse...

Ruy, acho que você não entendeu muito bem.
Letalidade é uma estatística que indica quantas pessoas afetadas morrem. Portanto, o cálculo está correto: dos 1000 casos, 70 morreram.
É diferente de estimar quanto da população da cidade do México, que foi o que você fez.